segunda-feira, 2 de fevereiro de 2009

domingo, 1 de fevereiro de 2009

Galeria de fotos
















Minha historia


Nasci em Divinopolis minas gerais,minha mãe me teve aos 15 anos de idade,quando ela descobriu que estava gravida e contou para minha vó, ela mandou minha mãe embora da casa, perdi meu pai antes mesmo de nascer, minha mãe sofreu , me deixou em uma greche com 1mes de nascida pra poder trabalhar. Quando ela viu que não teria como me criar sozinha ela me deixou com minha tia DALVA. Uma pessoa que amo muito. Cresci em meio de pessoas que não faziam parte de minha familia, minha madrinha padrinho, mae de minha madrinha etc.Por eu ser negra e eles brancos, sempre teve preconceitos, na minha escola,entre parentes(deles).São de familia de classe rica,morei em uma mansão, com varios quartos, banheiros, tinha piano, sala de estar, etc...

Mas não era feliz.Eu só tinha roupas boas quando minha mae vinha me visitar, era maravilhoso, eu me lembro que eu era diferente das outras crianças.... Acabou!Passou!

Eu resolvi vir morar com minha mãe aos 12 anos de idade e estou até hoje aqui na bahia, nunca mais voltei. Sou feliz aqui, amo os baianos, amo ser casada com baiano, ter filhos baianos etc..

Não sinto saudades daquele tempo, mas não tenho rancor , nen magoa.

HOJE SOU FELIZ e agradeço a DEUS por estar aqui.

sábado, 31 de janeiro de 2009

Traição.

O que é traição? È tomar corno? È vc encontrar o seu marido beijando outra?
Existem varias formas de trair, de machucar, de feri o parceiro(A).
Uma das varias maneiras, é seu marido sair todo final de semana e não ti levar,
é não ter tempo pra vc,para os filhos, é não saber o que se passa na escola, é não saber que o filho, está com problemas, que sua filha já está quase andando.
Existe tambem a traição do pensamento, lembrar do outro (A), pensar desejar, sonhar...
A traição não é só tomar corno, o chamado chifre.
A vergonha maior do corno não é tomar, mas sim todo mundo ficar sabendo, olha lá o corno(A).
È vergonha demais, não é verdade?
Beijos pra todos vcs.




quinta-feira, 29 de janeiro de 2009

Opps.

Peço desculpas pelos erros de ortografia nesse blog, pois tem coisas que eu não consigo corrigir, salva e pronto aí fica a cagada...